Araguaína, 23/10/2014 - 08:03 hs       |       ANUNCIE AQUI    |    EXPEDIENTE

Anterior

Em votação secreta, Câmara mantém dois vetos em Projetos da vereadora Silvinia e derruba outros dois

09/12/2013

Anterior

Próxima

PM prende 3 jovens em Araguaína após praticar assalto em Babaçulândia

09/12/2013

Próxima
Publicado em 09/12/2013 às 19:44 h

Eco Brasil implantará fábrica de celulose em Araguaína com investimento de 5,8 bilhões



 Foto: Eco Brasil 

Quinhentos milhões de reais já teriam sido investidos no plantio de eucalipto em 4 áreas no norte.

O deputado federal Irajá Abreu (PSD), membro da Frente Parlamentar da Silvicultura e presidente da Associação dos reflorestadores do Tocantins (Aretins) comemorou o anúncio da Eco Brasil Florestas de uma fábrica de celulose em Araguaína (TO). O empresário Osmar Elias Zogbi que comanda a Eco Brasil Florestas, dona do maior projeto florestal independente do país, anunciou o empreendimento em entrevista ao jornal Valor Econômico, edição desta segunda-feira.

Para Irajá o empreendimento fortalece o setor no Estado e eleva a silvicultura a um novo patamar. “Em sete anos, o setor apresentou muitos avanços no Tocantins. Em 2006, início da cultura no Estado, a área plantada representava pouco mais de 16 mil hectares, neste ano ultrapassa 128 mil hectares”, destacou o deputado.

Irajá afirma ainda que a fábrica será uma importante alternativa para a destinação da madeira produzida no Tocantins além dos tradicionais mercados consumidores como o carvão, lenha e a madeira tratada. “Isso vai permitir agregar mais valor à madeira plantada através de seu beneficiamento. E ainda vai garantir maior ganho de renda aos produtores e mais geração de postos de trabalho”, disse o parlamentar. 

Investimentos  

De acordo com o Valor o empreendedor negocia com um produtor do exterior a construção de uma unidade de fibra de eucalipto no norte do Estado. O início de operação está previsto para 2017 ou 2018 com investimentos estimados em 2,5 bilhões de dólares (mais de R$ 5.804 bilhões). Quinhentos milhões de reais já teriam sido investidos no plantio de eucalipto em quatro áreas na região norte do Estado, com distância média de 60 km do local onde será erguida a fábrica, em Araguaína.

Questões como a regularização fundiária, titulação das terras adquiridas e a infraestrutura logística do Estado teriam sido fatores definitivos para a escolha da região.

Números

Em menos de sete anos de cultivo, o Tocantins apresenta uma área plantada de mais de 120 mil hectares. O eucalipto, a seringueira e o pinus são as principais atividades praticadas no Estado. A silvicultura está promovendo a geração de 30 mil empregos diretos e indiretos no Tocantins.






Deixe seu comentário





Link:



  Publicidade  
Colunistas
Por Luiza Helena
Por José Américo